domingo, 13 de maio de 2012

A luz como verdade


"A evolução do humano está na arte de saber
compreender os que ainda estão passando por ela"
(Fábio Ibrahim El Khoury)


Cresci sendo influenciado por fatores externos. Na verdade, tais "influências" me moldaram ao longo da vida. Hoje, após perceber o que era aquilo tudo, começo a compreender o tamanho do trabalho que tenho pela frente. Digo isso "por mim", mas imagino a imensurável estrada que a humanidade terá que percorrer, principalmente no fator "crenças", o qual automatiza o nosso comportamento. Rever as próprias crenças não é nada fácil, mas o pior é deixar de fazer simplesmente pelo comodismo, na qual nos tornamos cegos de nós mesmos. Não digo isso por deixar de pensar ou olhar além da Terra, mas sim, por não nos remetermos ao nosso interior - onde tudo está.

A verdade sempre esteve presente na humanidade e nós somos os únicos responsáveis por tudo a nossa volta, pois sempre foi cômodo deixarmos que outros pensassem por todos nós.

O autoconhecimento é o fator chave que permite despertarmos para a imensidão de quem somos, deixando de ser – fingir - o que na verdade não somos.

Já é chegado o momento em que saberemos, individualmente, quem realmente somos e o nosso verdadeiro potencial diante do cosmo.

Não precisamos nos gabar ou inflar o ego, achando ser melhor que os outros. Pelo contrário, não somos superiores ou inferiores a qualquer forma de vida no universo, seja humana ou não.  O fato é que não podemos violar o direito que todos têm de evoluir, pela simples justificativa de não termos a compreensão de sua linguagem ou entendimento.

No universo, onde tudo é criação divina, não há certo ou errado, bom ou mau. Esses são apenas posicionamentos que assumimos diante de uma crença que temos.

Aceitar e deixar fluir são pontos primordiais para a manifestação do amor em nossas vidas. Somente através do amor é que seremos capazes de perdoar e libertar a nós mesmos e aos outros, para que possamos receber todas as experiências como ensinamentos para o nosso crescimento.


“Pelo AMOR, tudo é possível...
Até mesmo o inimaginável”


Fábio  Ibrahim El Khoury



"para reflexão"
 

 "Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás o Universo e os Deuses."
(Sócrates)

2 comentários:

  1. É isso aí, acordar é um bem que podemos fazer a nós mesmos, pois nem sempre os outros que amamos querem os se dispõem, mas aceitar que cada um mais cedo ou tarde também irá despertar, nos traz o sossego, mas não o comodismo, façamos nossa parte e colaboramos de alguma forma nesta construção.
    Gratidão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Solanggé, grato pela visita... volte sempre!
      :)

      Excluir